Posts filed under ‘Diário’

Post temporário

Estou de volta!   😉

29 set 2009 at 1:42 pm 2 comentários

1234567890

clock

Hoje, 13 de fevereiro de 2009, às 23 horas e 31 minutos e 30 segundos [para os cristãos], comemoraremos 1234567890 segundos da Era Unix. Isso quer dizer que terão passados 1234567890 segundos desde as 00:00:00 de 1 de Janeiro de 1970 [inicio dos tempos “para o UNIX”].

Agora é assim, contamos o tempo a partir do relógio de um Sistema Operacional!

Feliz 1234567890 !!!

13 fev 2009 at 3:53 pm Deixe um comentário

Citação 4

Sorte.. só disperdiça quem a possui.

 

.denieL

01 jan 2009 at 8:43 am 1 comentário

Eu sinto medo! (mas até que encarei a parada ^^)

Sabe quando chega à beira da morte e passa aquele “filminho da sua vida”?

Imaginem esse momento à beira do “lado de lá”..  por meia ou uma hora !!! Foi o que senti ontem quando o Miguel o Pablo  e sua esposa me convenceram a apreciar o ultimo restinho de mata atlântica daqui de Aracaju.. (foto).

..tenho medo (medo = pavor qse incontrolável) de altura.

Foi um verdadeiro filme indiano de minha vida, daqueles de seis horas!!!

Na boa..  enfrentar um medo como o que sinto de altura não é nada confortável. To até sem inspiração pra ser engraçado ou fazer pose de inteligente.

Curtam a foto :

Pablito

Foto: Pablito

Destaque para a cara de desespero e o “cinto de segurança” que a essa altura (sem referencia às dezenas de metros que eu estava) estava com as marcas de meus dedos de tanta força que apertada de medo!

09 dez 2008 at 4:57 am 4 comentários

Citação 3

Um brinde às nossas más qualidades, porque as boas ninguém reconhece!

Galera no aniversário de Thiago (Queixinho Boy).

07 set 2008 at 5:53 am 1 comentário

Citação 2

E então você se aquieta, encontra a mulher que ama e deixa de se preocupar com a imagem que o mundo faz de você, porque agora não passa os dias e as noites atento a oportunidades escondidas por um sutiã malcriado ou um jeans apertado, e se não pode deixar de olhar para peitos e bundas na rua não é como se olhasse para alvos em potencial, mas sim porque anos e anos de prática lhe deram uma capacidade formidável de avaliação e compreensão, além de uma acurada compreensão estética, visual e tátil, habilidade que não pode ser desperdiçada e que para seu orgulho deveria ser passada de geração a geração.

Texto completo: http://www.rafael.galvao.org/2008/04/da-incompreensao-e-da-injustica-humanas/

Mestre Rafael Galvão!!!

04 set 2008 at 10:45 pm Deixe um comentário

Citação 1

Quem mata é Deus, agente só fura!

(Gildete – Matadora de aluguel natural de Itabaiana-SE)

04 set 2008 at 7:22 am 1 comentário

Posts antigos


Agenda

julho 2017
S T Q Q S S D
« out    
 12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930
31  

Posts by Month

Posts by Category